Conheça o jogador do Cuiabá que foi decisivo contra o Palmeiras

189 0

Contratado com um dos maiores salários da temporada, o meia-atacante Clayson desencantou com a camisa 10 do Cuiabá no jogo contra o Palmeiras no último domingo (22), no Allianz Parque.

O jogador, de 26 anos, fez o primeiro gol do Dourado na partida e deu assistência para o segundo, marcado por Uillian Correia.

Com essa atuação, foi o maior pontuador do Cartola FC, idealizado pelos canais Globo, no final de semana.

O comentarista Gabriel Barros, da Rádio CBN e do site Olhar Esportivo, diz que Clayson tem sido uma das principais peças do Cuiabá desde o início do Campeonato Brasileiro, tanto na armação como na conclusão das jogadas.

“Ele esteve em campo em 15 das 17 partidas do Cuiabá no Brasileirão. Contra o Bahia, que foi uma das partidas que ele ficou de fora, o Jorginho destacou bastante a falta que ele fez ao time. Contra o Bahia, o Cuiabá teve pouca profundidade, pouca amplitude, chegou poucas vezes próximo ao gol, justamente porque são essas as características que o Clayson oferece à equipe”, disse.

 

“É um jogador agudo, vertical, que além de cortar para o lado esquerdo, também joga buscando o meio de campo para armar as jogadas. É um atleta que tem uma mobilidade e liberdade para circular no setor de ataque”, destacou.

 

Nos 15 jogos em que atuou, Clayson balançou as redes duas vezes e deu duas assistências. Os números parecem medianos, mas, conforme Gabriel, os bons resultados obtidos pelo Cuiabá no Brasileirão têm a influência do camisa 10 nas partidas.

 

“É um jogador se você analisar os números sem analisar os jogos, aparenta que não está tendo tanta influência no ataque do Cuiabá. Mas quem assiste aos jogos vê que ele é imprescindível, fundamental. Com ele em campo, o Cuiabá tem profundidade, amplitude, consegue levar perigo ao adversário”, afirmou.

Clayson foi contratado por empréstimo junto ao Bahia até o final do ano com salário aproximado de R$ 200 mil mensais, segundo fontes extraoficiais. O Cuiabá não divulga o valor que paga aos seus jogadores.

O meia foi revelado pelo União São João-SP, onde foi destaque na Copa São Paulo de 2012, aos 16 anos.

Assessoria

 

Post Relacionado