Ministério da Saúde anuncia aplicação da terceira dose a partir de setembro

219 0

O Ministério da Saúde anunciou nesta quarta-feira (25) que a partir do dia 15 de setembro a dose de reforço da vacina contra a covid-19 será oferecida no Brasil. Também será reduzido o intervalo entre as aplicações da Pfizer e AstraZeneca.

A dose reforço é indicada para os idosos, que vacinaram com as duas doses há mais de seis meses. Já imunossuprimidos devem esperar 28 dias após a segunda dose.

Os pacientes imunossuprimidos incluem pessoas com câncer, pessoas vivendo com HIV, transplantados e outros com o sistema imune fragilizado, o que deixa o paciente mais suscetível a infecções.

A pasta informou que a imunização deverá ser feita, preferencialmente, com uma dose da Pfizer, ou de maneira alternativa, com a vacina de vetor viral da Janssen ou da AstraZeneca.

O ministério também disse que o intervalo entre as doses da Pfizer e da AstraZeneca será reduzido a partir de setembro: passará de 12 semanas para 8 semanas.

Dwayne Senior / Bloomberg

Post Relacionado