Cuiabá almeja 24 pontos para encaminhar permanência na Série A

150 0

O técnico do Cuiabá, Jorginho Campos, avaliou como positivo o empate em 0 a 0 contra o Fortaleza, na Arena Castelão, na noite desta segunda-feira (31).

 

O ponto somado, segundo ele, dá oportunidade do Dourado fechar o primeiro turno do Brasileirão com 24 pontos, principal objetivo do clube nesta fase.

 

Para isso, no entanto, precisa vencer o Santos no próximo sábado (4), na Arena Pantanal. O time mato-grossense tem 21 pontos e está em 15º lugar na tabela.

 

“Assim que eu cheguei aqui [no clube], eu falei sobre [fechar o primeiro turno com] 24 pontos. Ainda temos essa possibilidade [no último jogo contra o Santos]. Mas sabemos também que vai ser extremamente difícil”, disse.

“Se conquistarmos os 24 pontos, podemos repetir essa matemática no segundo turno e chegar aos 48 pontos e aí a probabilidade de descer [para segunda divisão] é mínima possível. E você ainda tem uma possibilidade de brigar por uma Sul-Americana”, afirmou.

 

Conquistar três pontos dentro de casa na última rodada será um desafio para Cuiabá, que vem sendo pouco efetivo dentro da Arena Pantanal.

 

No total de nove jogos, amargou quatro empates e duas derrotas.

 

“A gente tem sido mais feliz fora de casa e precisamos, com certeza, conquistar os pontos dentro de casa porque facilita muito. A gente tem feito bons jogos dentro de casa, mas as oportunidades que a gente tem criado, que tem sido várias, a gente não tem conseguido concluir”, disse.

 

“No momento que a gente concluir as oportunidades que nós temos, principalmente em jogadas nas laterais, iremos reverter esses números”, acrescentou.

Post Relacionado