Russi nega disputa com Botelho e avisa: “Volto a ser 1º secretário”

64 0

O deputado estadual Max Russi (PSB) afirmou que acompanha com tranquilidade o julgamento no Supremo Tribunal Federal (STF) que pode retirá-lo da Presidência da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) e não vê rusga com o ex-presidente e atual primeiro secretário, deputado Eduardo Botelho (DEM).

“O que acontecer desse julgamento, estou bastante tranquilo. Na pior das hipóteses, eu volto a ser secretário. Eu e Botelho temos uma relação muito boa, tranquila, e tem oito ministros ainda para votarem. Acredito que a melhor decisão vai acontecer”, disse Russi nesta segunda-feira (20).

O presidente ainda afirmou que o Legislativo atua em harmonia, e negou que tenha ficado um clima de instabilidade entre ele e Botelho desde o andamento do caso no Supremo, na última sexta-feira (17).

Post Relacionado