Bombeiros atendem quase 600 incêndios e mais de 750 salvamentos em VG e mais quatro municípios

55 0

Os municípios atendidos pelo 2º Batalhão Bombeiro Militar (2º BBM) – Várzea Grande – tiveram redução de 85% dos focos de calor, que correspondem tanto a incêndios, como por elevação da temperatura. Isso porque, o monitoramento é feito por sensores do satélite que registram temperaturas acima de 47°C.

O novo comandante do 2º BBM, major Marcondes destacou em entrevista ao VGN
, que aumentou ocorrências de quedas de árvores neste final de ano, bem como, na prevenção de enchentes, em razão das intensas chuvas dos últimos dias. (veja orientações no final da matéria)

“Continuamos com o trabalho forte de prevenção, ações, trabalho de atendimento de ocorrências. Nesta reta final intensificamos nas questões das enchentes, quedas de árvores no período chuvoso, paralelo às ocorrências, existe uma operação de final de ano da Segurança Pública que também envolve os Bombeiros, que intensifica nas ações de fiscalização”, declarou Marcondes.

 

O perímetro de atuação do 2º BBM compreende os municípios de Várzea Grande, Nobres, Rosário, Jangada e Nossa Senhora do Livramento.

Marcondes ainda destacou que o número de atendimento realizado até essa terça-feira (28.12). Conforme os dados da unidade, foram atendidos 599 incêndios em 2021 e 583 em 2020; foram feitos 753 salvamentos em 2021 e 641 em 2020. Também foi informado que a unidade realizou, ainda, 59 atendimentos pré-hospitalares em 2021 e 61 em 2020. Já o atendimento a emergência com produtos perigosos reduziu, foram registrados 81 atendimentos em 2021 e 94 em 2020.

ORIENTAÇÕES EM CASO DE QUEDA DE ÁRVORES

1- O proprietário não deve deixar a árvore crescer a uma altura desproporcional, principalmente os galhos para que os mesmos não invadam outras residências vizinhas.

2- Não jogar produtos que causem a morte da árvore.

3- Fazer a poda da árvore em intervalos de no mínimo de 02 em 02 anos, a poda da árvore deve ser feita nos meses de período de estiagem, com todo cuidado e segura.

1- O proprietário não deve deixar a árvore crescer a uma altura desproporcional, principalmente os galhos para que os mesmos não invadam outras residências vizinhas.

2- Não jogar produtos que causem a morte da árvore.

3- Fazer a poda da árvore em intervalos de no mínimo de 02 em 02 anos, a poda da árvore deve ser feita nos meses de período de estiagem, com todo cuidado e segura.

Fonte: Vgn Notícias

Post Relacionado